Notícias

O futuro é agora: tendências e desafios do mobile marketing para 2021

Por: Bianca Borges, dezembro 17, 2020

Em 2020, um ano atípico devido à pandemia, o mobile marketing ganhou ainda mais força com o aumento de downloads dos aplicativos. Mas o que o próximo ano reserva para a indústria mobile? Adriana Lima, Growth Manager no Google, respondeu essa pergunta, falando sobre as principais tendências e desafios do setor no evento Digitalks Global Summit, que aconteceu essa semana.

Antes de analisar o que está por vir, vale ressaltar que, apesar de todas as adversidades, muitas marcas souberam enfrentar o desafio do distanciamento social e aproveitaram o momento para potencializar suas estratégias digitais, bem como reformular seu apps. Um exemplo de case de sucesso é a C&A, que transformou seu aplicativo na plataforma oficial de relacionamento com o cliente.

Você deve estar se perguntando: será que em 2021 os aplicativos vão continuar tão relevantes assim? A resposta é sim, mas somente para os apps que realmente entregarem valor para o cliente.

Para entregar valor, além de entender as necessidades do consumidor, é importante ficar atento às tendências da indústria mobile. A Growth Manager do Google trouxe quatro pontos que devemos observar. Sem mais delongas, vamos a eles!

Realidade aumentada, virtual e estendida: essas tecnologias serão cada vez mais usadas. Já temos cases de sucesso nos segmentos de game, entretenimento e educação.

Inteligência Artificial e Machine Learning: para um app entregar valor, ele precisa fazer uso dessas tecnologias. Dessa maneira, é possível automatizar processos, trazer dados mais consistentes e, claro, oferecer uma experiência melhor ao usuário.

Conectividade: em 2021, teremos muito mais dispositivos conectados à internet em nossas casas como eletrodomésticos inteligentes, sistemas de segurança e smartwatches.

Assistente de voz: todos esses dispositivos conectados à internet das coisas vão favorecer ainda mais o uso das assistentes de voz.

Olhar para cada uma dessas tecnologias cuidadosamente pode trazer oportunidades incríveis para a sua marca se diferenciar das demais, porém, como Adriana bem comentou:

“Todas essas oportunidades trazem desafios”.

Confira a seguir quais são eles:

Descoberta:

Atualmente temos um excesso de apps disponíveis para download e muitos deles nem se quer chegam a ser baixados.

“Um dos maiores desafios da indústria do mobile marketing é a descoberta. Existem mais de 50 ou 60% de apps nas lojas que nunca foram baixados. Mas se você pensar, existem milhões de apps. Então, a indagou a Growth Maganer do Google.

Retenção:

Manter o cliente ativo no seu app é algo mandatório. Adriana exemplificou:

“Quando nós pensamos em um usuário, ele pode ter pelo menos 100 apps no telefone dele. Desses 100, talvez ele esteja usando somente 26 esporadicamente e apenas cinco diariamente”.

Com tanta oferta de apps no mercado, você precisar tomar atitudes e otimizar suas estratégias de mobile marketing para reter seus clientes e manter seu app relevante para eles.

Lifetime Value:

Segundo Adriana, entender o lifetime value, ou seja, a média de dinheiro e de tempo gastos pelos seus clientes com seus produtos ou serviços, é crucial. A partir dessa compreensão você consegue direcionar melhor as suas ações de marketing e estratégias de negócio.

Para facilitar a descoberta desses números, a Growth Manager do Google indica:

“Temos que compreender cada ação que o consumidor toma e ser capazes de medi-las”.  

Complexidade crescente:

O último desafio citado por Adriana foi a complexidade crescente.

A competição acirrada entre os players do mercado e a diversidade de canais para divulgar um app, elevam o nível de complexidade que uma estratégia de mobile marketing precisa ter para diferenciar um aplicativo da concorrência. Nesse contexto, a regra é clara: é inovar ou ficar pra trás.

Com todas essas tendências e desafios, como você faz com que seu app seja mostrado, alcance a audiência desejada e bata a meta de estar presente na jornada do cliente? Adriana deu algumas dicas para planejar um roadmap e ter sucesso na estratégia mobile:

1° passo: entender toda a jornada do cliente e acompanhar as conversões. 

Um grande erro que as empresas cometem ainda é prestar atenção apenas no primeiro e no último ponto de contato da jornada. É preciso entender o funil por completo, só assim você vai conseguir encontrar a resposta para diminuir ações como o abando de carrinho, por exemplo.

2° passo: definir as metas do negócio

É preciso pensar em quais KPIs você quer alcançar com seu plano de marketing. Essas três metas principais que podem guiar a sua estratégia: alcance, relevância e retenção. 

3° passo: focar no criativo

É cada vez mais difícil captar a atenção dos usuários. Há 20 anos, a capacidade de concentração dos seres humanos era de 20 a 15 segundos, agora varia de 3 a 5 segundos. Por isso, é necessário focar no criativo para conquistar o consumidor, e escolher muito bem o texto, as imagens e o formato dos seus anúncios.

Veja algumas sugestões para criar anúncios mais interessantes:

Torne a sua escrita mais eficaz

Abuse da simplicidade na imagem

Invista em um design mais limpo. Prefira imagens envolventes e relevantes que tenham conexão direta com o seu negócio.

Qualidade também é importante. Utilize imagens apenas com alta densidade de pixels para garantir a boa visualização do anúncio em qualquer tipo de tela.

Capture a atenção com bons vídeos

Chame atenção do usuário nos primeiros três segundos do vídeo. Diversifique a duração e o conteúdo que você mostrará ao público-alvo do anúncio. E por fim, explore a questão imersiva, dando ênfase na experiência do seu produto ou serviço com um bom storytelling.

“Nós temos que ser muito espertos nessa nova era do mobile marketing porque não é sobre fazer todas as coisas ou construir todas as campanhas, é sobre deixar a inteligência das máquinas fazerem o seu trabalho, e ter a certeza de que estamos adicionando a expertise humana e o nosso conhecimento no topo disso tudo”, finalizou Adriana.

Viu só como é importante dar um upgrade na sua estratégia digital? Fale com os especialistas da Zoly e descubra tudo como podemos te ajudar.

(*) Bianca Borges é Analista de Comunicação Sênior da ZOLY. Jornalista, formada pela Universidade Anhembi Morumbi, também possui experiência nas áreas de assessoria de imprensa e gestão de mídias sociais. Gosta de escrever sobre diversos assuntos, mas, atualmente, seu foco é o Marketing Digital e Data Business. 

  • Receba nosso conteúdo em primeira mão.